segunda-feira , 24 abril 2017
Home / Passageiros / Monotrilho / Scomi é escolhida para serviços adicionais na Linha 17-Ouro

Scomi é escolhida para serviços adicionais na Linha 17-Ouro

A malaia Scomi, que está fornecendo os monotrilhos da futura Linha 17-Ouro, foi escolhida pela Companhia do Metropolitano de São Paulo para executar serviços adicionais no trecho.

A empresa fechou um contrato de 121 milhões de dólares (R$ 424.613.200,00) para fornecer material rodante e sistemas adicionais, como sinalização, sistema de centro de controle de operação, fibra ótica, energia, cabos, etc.

A Linha 17-Ouro terá 8,8 km de extensão em sistema 100% driverless, que dispensa a presença do maquinista.

Ainda em nota, a Scomi firmou em março deste ano uma parceria com o Grupo MPE para levantar uma fábrica no interior de São Paulo, em Taubaté, para fornecer monotrilhos, incluindo material rodante e truques. O investimento foi de R$ 50 milhões.

A planta, que tem 98 mil metros quadrados, também fornecerá VLTs e carros de metrô.

Ao serem finalizados em 2018, os monotrilhos da Linha 17 transportarão cerca de 20.600 passageiros por hora/sentido. Os trens atingem velocidade máxima de 80 km/h.

Sobre Gustavo Ferrari

Editor-chefe e criador do portal Estação Ferroviária. Possui vasta experiência no setor de transportes, em especial ferrovias, duas rodas e rodoviário. [email protected]