Novidades da Empretec no NT Expo 2017

Empresa apresentou o novo equipamento manual C.A.T.E.R. (modelo LRT) para realizar ultrassom de trilhos ferroviários e um novo modelo rodoferroviário para o mercado.

0
167
views
Estande da Empretec na NT Expo 2017. Foto: Gustavo Ferrari

A Empretec, empresa com 47 anos de mercado que oferece soluções para diversos setores, como ferrovias, rodovias, telecomunicações e outros, apresentou na feira NT Expo 2017, ocorrida no início de novembro em São Paulo, modelos de equipamentos que são inovações para o setor de transporte e cargas e passageiros.

Entre os destaques esteve em exposição o novo equipamento manual C.A.T.E.R. (modelo LRT) para realizar ultrassom de trilhos ferroviários. “Leve, compacto e digital, o equipamento manual C.A.T.E.R., de tecnologia australiana, emite relatórios gráficos (em Excel e Google Earth), e confere a possibilidade de adicionar GPS ao seu sistema de imagem”, informa Maercio Ricardo de Lima, engenheiro da Empretec.

O C.A.T.E.R também dispõe de vantagem técnica como a classificação de artefatos, tais como: furo de tala, junção de trilho, solda e desalinhamento, entre outras. Esse equipamento já foi adquirido pela VALE EFC (Estação de Ferro Carajás), VALE EFVM (Estação de Ferro Vitória-Minas) e Supervia, entre outras.

A Empretec é uma empresa que oferece diversas soluções no setor ferroviário, dentre elas veículos rodoferroviários e equipamentos de ultrassom. Foto: Divulgação

A empresa também apresentou seu novo modelo rodoferroviário, desenvolvido em 2016, com vantagens técnicas significativas, como redução de peso de 20% em relação ao anterior, além do atual sistema de suspensão, que aumenta a vida útil do equipamento e proporciona conforto ao operador.

“Diferentemente do antigo modelo com comandos através de botões e relés, o atual possui controle totalmente computadorizado, com comandos touchscreens. O eixo do sistema ferroviário é solidário as rodas ferroviárias, não necessitando de interligação entre as rodas através de cabos para shuntagem. A roda ferroviária é montada ao eixo através de cubos de rodas, não necessitando de ferramentas especiais para desmontagem, e o monitoramento de todas as travas é realizada através de sensores com visualização de falhas”, enumera o eng. Lima.

A Empretec já vendeu dois modelos do novo rodoferroviário para a Empresa Municipal de Transportes Urbanos (EMTU) e outro para a Companhia de Concessões Rodoviárias (CCR) da Bahia, totalizando R$ 8 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here