domingo , 28 maio 2017
Home / Passageiros / Alta Velocidade / Nova geração do Shinkansen revelada
Série Shinkansen N700, considerada uma das melhores do mundo. Foto: DIvulgação

Nova geração do Shinkansen revelada

A operadora japonesa JR Central informou no final de junho que está desenvolvendo um protótipo de 16 carros com diversas modificações técnicas as quais serão incorporadas na próxima geração dos trens de alta velocidade Shinkansen.

A nova série, batizada de N700S, será finalizada em março de 2018, enquanto a frota pode entrar em operação comercial a partir de 2021.

A JR Central explicou também que a letra “S” significa “Supreme”, ou seja, a nova série será a melhor de todos os N700.

Três grandes modificações técnicas serão implantadas no novo trem: um novo sistema de freios e ATP diminuirão a distância de freio em casos emergenciais, na ocorrência de terremotos. Haverá também atualizações nos sensores de vibração dos eixos, que serão acompanhadas de alterações no sistema de suspensão atual para melhorar a qualidade da viagem.

A JR Central também implantará semicondutores feitos de carboneto de silicone no sistema de tração, para reduzir o peso do trem e consequentemente o consumo de energia. A operadora afirmou que este material é mais resistente à altas temperaturas e será combinado com o sistema de refrigeração.

Outra mudança significativa será no design do nariz/perfil, batizado de “Dual Supreme Wing Type”. Desenvolvido com simuladores 3D, o novo formato diminui o ruído sônico quando o trem atravessa um túnel, por exemplo. A resistência do ar será diminuída com a modificação do formato dos carros, alisando as superfícies externas.

O Japão é o pioneiro no desenvolvimento de sistemas de alta velocidade. A primeira linha, chamada Tokaido Shinkansen, foi inaugurada em 1964. O trem de alta velocidade desta linha, Shinkansen Série 0, atingia até 210 km/h.

O país segue inovando em tecnologia de alta velocidade, e durante testes experimentais conseguiu atingir 443 km/h em composições tradicionais e 580 km/h em linhas de levitação magnética (Maglev).

Sobre Gustavo Ferrari

Editor-chefe e criador do portal Estação Ferroviária. Possui vasta experiência no setor de transportes, em especial ferrovias, duas rodas e rodoviário. gustavo@estacaoferroviaria.com.br.