Governo paulista adia contrato de monotrilho da Linha 18

0
211
views

O governo do estado de São Paulo, através da Secretaria de Transportes Metropolitanos (STM), adiou por mais seis meses o contrato para que a concessionária VemABC inicie as obras da futura Linha 18, que será operada por monotrilho.

O aditivo contratual foi assinado no dia 18 de julho. “Durante os seis meses do aditamento a administração paulista espera que o governo federal revise os critérios de classificação para financiamento público aos Estados, uma vez que a metodologia adotada pela Secretaria do Tesouro Nacional atualmente não leva em conta a situação financeira de São Paulo diante do cenário de crise em todo o país”, segundo informações da STM.

O governo paulista também aguarda pela liberação de R$ 406,9 milhões para o financiamento das obras e desapropriações.

Entretanto, as empresas de classificação de risco de crédito reprovaram o estado de São Paulo, considerado o mais rico da federação e um dos poucos que não está endividado, sob a alegação que “não possui capacidade de pagamento que permitisse a obtenção de garantia da União para a referida operação de crédito”.

Após a aprovação deste financiamento e emitida a “declaração de início do prazo de vigência da concessão”, o consórcio VemABC terá até um ano para conclusão dos projetos executivos de engenharia, até três anos para execução das obras e 21 anos para exploração comercial.